News: Criança nordestina que mora em Fortaleza é reconhecida como uma das 100 crianças prodígio no mundo.

Com apenas 9 anos, a astrônoma amadora mais jovem do mundo, Nicole Oliveira, (Nicolinha) foi anunciada pela Global Child Prodigy Awards 2022 como uma das 100 crianças prodígio de todo o planeta para receber a premiação da entidade, em cerimônia em Dubai dia 20 de agosto de 2022.

No campo da astronomia, essa premiação é inédita. Isso torna ainda mais especial esse momento já que Nicolinha é a única brasileira a ser indicada para receber esse prêmio mundial.

O notável desempenho da nossa menina prodígio foi uma grata surpresa aos organizadores do evento e ao mundo científico. Nicolinha, mesmo com pouca idade, já possui um vasto currículo que a coloca em posição de destaque no mundo. Motivo pelo qual a organização do evento criou a categoria “Astronomia“ em reconhecimento à sua valiosa colaboração nessa área.

Diante dessa importante conquista, outros desafios teriam de ser enfrentados para que a realização de receber esse importante prêmio fosse concretizada.  Nicolinha precisava organizar sua ida a Dubai, acompanhada por seus pais, Zilma e Jean Semião e seu mentor, Rodrigo Carvalho, astronauta graduado e treinado nas dependências da Agência Espacial Canadense, Nastar e IIAS.

Zilma, Jean e Rodrigo iniciaram uma campanha contando a brilhante história da menina prodígio Nicolinha e buscando apoio e patrocínio para a viagem. Foi aí que através de amigos em comum a equipe do Grupo Alchymist, tomou conhecimento da história e decidiu ajudar na realização desse sonho tornando-se um dos patrocinadores dessa tão importante conquista. 

“Quando tomamos conhecimento da história da Nicolinha, enxergamos imediatamente que estávamos diante de um diamante preciosíssimo, uma criança realmente diferente, com um talento incrível e um futuro brilhante pela frente. Logo fui conversar com o presidente do Grupo Alchymist, o Sr. Giorgio Bonelli, que por ser um homem visionário e entusiasta de grandes projetos, logo percebeu o potencial da Nicolinha e se dispôs a ajudar para a realização dessa conquista e da viagem a Dubai.“  Relatou Clea Girão, diretora comercial do Grupo Alchymist.

Agora, de malas pronta, nossa Nicolinha está prestes a cruzar o atlântico rumo aos Emirados Árabes para receber esse importante prêmio conquistado por todo seu talento e dedicação.

“O Global Child Prodigy Awards tomou uma iniciativa única para reconhecer, homenagear e incentivar grandes talentos que possuem experiência incomum em seus respectivos domínios, como artes, música, dança, escrita, modelagem, atuação, ciência, esportes, entre outras, São crianças diferenciadas, virtuosas, hábeis e reconhecidas como as melhores em sua área de interesse. O prêmio destina-se a apoiar esses talentos emergentes e fornecer a eles uma plataforma global para brilhar”, disse K Abdul Ghani, organizador do Global Child Prodigy Awards, renomado ambientalista e popularmente conhecido como Green Man of India.

Vamos acompanhar um pouco da trajetória da Nicolinha, como “a mais jovem astrônoma amadora mirim do mundo“. 

Dentre as inúmeras habilidades e premiações podemos listar:

1. A primeira criança a fazer um curso presencial de iniciação à astronomia aos 6 anos de idade na Universidade Federal de Alagoas. Centro de Estudos Astronômicos de Alagoas CEAAL.

2. Possui certificação pela coordenação do curso de licenciatura em Física da IFB (Instituto Federal de Brasília)

3. Recebeu medalha de honra ao mérito presencialmente das mãos do Diretor Patrick Miller da Nasa pela detecção de 31 asteróides. E, aproveitando para atualizar a informação, ela é o primeiro lugar na busca e identificação desses corpos celestes e com grande chance de nomear alguns deles.

4. Única criança no Brasil com 3 medalhas de ouro na Olimpíada Brasileira de Astronomia.

5. Nicole tem o selo de qualidade de conteúdo da SAB (Sociedade Brasileira de Astronomia) e é única criança no Brasil a possuir essa honra.

6. Certificação de cientista cidadã NASA/IASC

7. Embaixadora Alliance Explore (USA) e do Planetário Rubens de Azevedo (CE)

8. Primeira sócia mirim da AEITA – Associação dos Engenheiros do ITA

9. Palestrante em eventos online e presenciais destacando-se o 1º. Seminário Internacional de Astronomia e Astronáutica realizado em Brasília e na abertura do evento Internacional do Asteroid Day.

Nicolinha ainda participa do IASC – International Astronomical Search Collaboration.

De acordo com Patrick Miller, diretor do IASC, ela é, provavelmente, uma das mais jovens (se não a mais jovem) dos participantes do programa. 

Nicolinha ingressou no programa Caça-asteroides, uma parceria do IASC-Nasa com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) já na primeira edição no Brasil. Desde então, a menina já encontrou sete asteroides por meio do programa, que poderá batizar quando confirmados pela Nasa. “Suas sete observações ainda não são descobertas oficiais. São as primeiras detecções de asteroides muito tênues. Com o tempo, se essas detecções forem confirmadas por observações adicionais feitas por grandes telescópios de programas de busca de asteroides como o Pan STARRS e o Catalina Sky Survey, elas podem se tornar descobertas que são numeradas pela União Astronômica Internacional (IAU). Esse processo, desde a primeira detecção até o status de descoberta, leva de seis a oito anos. Uma vez numerados os asteroides, seus descobridores podem propor nomes ao IAU”, explica Miller.

Nicolinha conta ainda com o apoio de um time de peso com profissionais do mais alto nível, com atuações e experiências internacional. 

O grupo é formado por:

* Rodrigo Carvalho Santiago – primeiro brasileiro a ser aceito no programa P.O.S.S.U.M (Polar Suborbital Science in the Upper Mesosphere) como candidato a cientista astronauta para realização de estudos e experimentos em baixa órbita no espaço.

* Lorrane Olivlet – Astronauta Análoga e fundadora do grupo Inspace o qual a Nicolinha foi aceita para iniciar os seus trabalhos. Lorrane é criadora do grupo voluntário de STEAM com foco em assuntos e experimentos espaciais abrangendo todo Brasil e mais uma dezena de nações e autora de um livro com conteúdo sobre o sistema solar para aprendizado com linguagem simples de astronomia. 

* Victor Hespanha – ficou mundialmente conhecido recentemente por ser tripulante da missão NS 21 da Blue Origin. Chegou ao espaço no dia 4 de junho de 2022 através da CSA Crypto Space Agency sendo o primeiro criptonauta no mundo, o segundo astronauta brasileiro e a segunda pessoa no mundo de língua nativa portuguesa a ir para o espaço.

Além do apoio, dedicação e incentivo dos pais, Zilma e Jean Semião, que não poupam esforços para realizar o sonho da pequena Nicolinha, em um dia construir um foguete e escrever o seu nome nas estrelas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s