Beauty: Acne ou rosácea? Saiba qual é o adversário oculto da defesa brasileira na Copa do Mundo

Alisson Becker é considerado o galã da Seleção Brasileira. Gaúcho de Novo Hamburgo, dono da camisa 1 do Brasil e do Liverpool, na Inglaterra e segundo goleiro mais caro da história do futebol, o atleta chama atenção fora dos campos tanto pela sua beleza, mas também pela vermelhidão na região do rosto.

Alguns dizem que é acne e outros rosácea. A diferença entre as duas condições é que a acne é um processo inflamatório bacteriano das glândulas sebáceas e dos folículos pilossebáceos, e a rosácea é uma doença vascular inflamatória crônica, muitas vezes genética.

Mas afinal, qual é o caso de Alisson? De acordo com a esteticista dermaticista Patrícia Elias, o goleiro está passando pelas consequências da rosácea. “A exposição ao sol e situações de estresse são os principais inimigos de quem sofre com este problema”, afirma a especialista. “A exposição em excesso ao sol pode ser prejudicial para a saúde da pele, ocasionando a dilatação dos vasos, transpiração excessiva e, como o suor possui sódio, a pele fica sensível. A alta temperatura estimula a produção de sebo que serve de alimento para as bactérias. Para evitar que a rosácea evolua e desencadeie pústulas ou até mesmo fimatosa, que é uma deformação na cartilagem do nariz, é de extrema importância usar corretamente um filtro solar de alta qualidade com FPS alto com ação calmante e antioxidantes”. Nos meses mais quentes, utilizar o protetor solar de uso oral pode ajudar a potencializar o protetor solar de uso tópico.

Mesmo que a Fifa tenha programado o evento para o final do ano para evitar as altas temperaturas no verão, ainda assim os termômetros passam dos 30°C no Qatar. Além dos cuidados diários, Patrícia indica higienizar o rosto com água fria para aliviar a inflamação, além de escolher um bom sabonete. “A utilização da aloe vera, conhecido também como gel de babosa, misturada com uma gota do óleo essencial de lavanda francesa é muito bom para recuperação da pele. Um tônico calmante ou água termal também são muito bem-vindos”, destaca.

A esteticista também sugere uma receita caseira simples com chá de camomila para complementar a rotina de skincare. “A camomila atua como anti-inflamatório e calmante potente devido aos compostos químicos presentes em sua composição. A recomendação é utilizar os sachês como compressa gelada no rosto para diminuir a sensação de inchaço e inflamação”.

A alimentação deve receber os mesmos cuidados, como por exemplo evitar comidas com muito sódio, açúcar, fritura, pimenta e bebidas alcoólicas. Beber bastante água e consumir alimentos que ajudam a prevenir a inflamação também podem auxiliar, como cúrcuma, própolis, alimentos com Vitamina C, zinco, magnésio, betacaroteno e outros.

Para quem busca um resultado mais rápido, em clínicas de estética o tratamento é realizado com luz pulsada, led terapia, Ilib terapia, ozônio terapia e ativos calmantes. 

Patrícia Elias
Instagram: @esteticapatriciaelias
YouTube: Patrícia Elias – Saúde & Estética
Loja Virtual: https://patriciaelias.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s