Você sabe o que é higiene do sono? Médico especialista alerta para os riscos silenciosos de noites mal dormidas

No Dia Mundial do Sono, especialistas chamam atenção para o sono de qualidade e um corpo são e dão dicas sobre a prática da “higiene do sono”; confira dicas

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), sob encomenda da biofarmacêutica Takeda procurou mapear a qualidade do sono dos brasileiros e a busca dessas pessoas por ajuda médica. Este estudo aponta que 65% dos brasileiros têm baixa qualidade de sono, mas somente 7% das pessoas nessa condição procuram profissionais médicos quando têm dificuldades para dormir. Já no mundo, outros estudos estimam que 936 milhões de pessoas têm apneia obstrutiva do sono no mundo. Ou seja, um cenário preocupante para a ciência e para a sociedade médica.

Neste sábado é celebrado o Dia Mundial do Sono. A data, que chama a atenção global para a importância do sono na saúde e na qualidade de vida, é destacada como oportunidade de discutir um problema que, muitas vezes, é encarado como brincadeira ou um simples incômodo: os distúrbios do sono.

“Quem tem algum tipo de distúrbio do sono não descansa o quanto deveria, não tem um sono reparador e tende a ter sonolência durante o dia, dificuldade de concentração, irritabilidade e prejuízo na memória, o que afeta o rendimento profissional. Dependendo da gravidade do problema, essa má qualidade do sono pode acarretar hipertensão arterial, diabetes e obesidade, além de depressão, ansiedade e maior risco para acidentes, ou seja, a doença não tratada diminui a expectativa de vida”, esclarece o médico otorrinolaringologista e especialista em Medicina do Sono, da clínica Otomax, Dr. Franzé Barros (CRM 11993).

Um estudo publicado em 2018 no The Lancet estimou que mais de 936 milhões de pessoas têm apneia obstrutiva do sono no mundo. O número é quase 10 vezes maior do que a estimativa da Organização Mundial da Saúde em 2007, de mais de 100 milhões de pessoas com a doença.

“Os distúrbios do sono merecem atenção e a avaliação do médico otorrinolaringologista, uma das principais especialidades envolvidas para diagnosticar e tratar estes distúrbios do sono. Este profissional poderá orientar, inclusive, sobre boas práticas e atitudes para melhorar a qualidade do sono”, esclarece Franzé.

HIGIENE DO SONO

O sono é imprescindível para a manutenção de uma vida saudável. Por isso, é importante cuidarmos dele para evitarmos transtornos no dia a dia e na nossa saúde. Confira abaixo algumas dicas para uma boa Higiene do Sono e pratique-as:

  • Reduza ou abandone o hábito de fumar, pois o fumo, além de fazer mal à saúde, é excitante e dificulta o sono.
  • Evite ingerir qualquer tipo de estimulante (café, chá-preto, energéticos, refrigerantes) depois das 18 horas.
  • Evite ingerir bebida alcoólica pelo menos seis horas antes de dormir. Apesar de o primeiro efeito ser sedativo, o álcool é metabolizado rapidamente, produzindo certa abstinência na segunda metade da noite, o que resulta em sono de má qualidade, despertar noturno com frequência, pesadelos, taquicardia, sudorese e náuseas.
  • Nas três horas antes de dormir, evite refeições pesadas.
  • A prática regular de exercícios ajuda a regular o ciclo circadiano. Contudo, é importante que esses exercícios sejam feitos em horários distantes da hora de dormir. Evite fazer exercícios 4 horas ou menos antes de dormir.
  • Mesmo que você não repare diretamente, dormir em ambientes barulhentos diminuí a qualidade do sono e pode levar a insônia. Se certifique de que o lugar em que você dorme não tem muitos barulhos.
  • Use a cama preferencialmente para dormir, evitando-a para trabalhar ou assistir à televisão.
  • Evite tirar longos cochilos durante o dia.
  • Tome um banho morno até duas horas antes de dormir; isso pode ajudar a relaxar e facilitar o início do sono.
  • Evite utilizar aparelhos eletrônicos (como celulares, tablets e notebooks) na cama antes de dormir.
  • Não fique na cama esperando o sono se você tem dificuldades em adormecer. Nesse caso, é melhor levantar-se e dar uma volta para tentar dormir. Leia um livro numa poltrona.
  • Mantenha o quarto escuro, calmo, bem-ventilado e com temperatura agradável. Sabe-se que a luz é o principal sincronizador do “relógio” biológico humano.
  • Durma apenas o tempo necessário para se sentir descansado. Se com 8 horas já se sente bem, evite dormir mais do que 8-9 horas, mesmo que não tenha compromisso no dia.
  • Crie uma rotina de acordar sempre no mesmo horário, independente se for fim de semana ou não.

SERVIÇO

CLÍNICA OTOMAX

ONDE: Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500, salas 1813 a 1816. RioMar Trade Center (integrado ao Shopping  RioMar Papicu). Segunda a sexta, de 9h às 20h. Sábados, de 9h às 13h.

CONTATO:+55 85 2180-9880 | (85) 9 8152-5246

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s